Piadas curtas engraçadas e a piada do dia

Piadas Sortear Piada Mistérios Jogos Legais Videos Internet Contato

Piadas de Alien??genas




Dois marcianos resolveram aterrisar na Terra (cic) e aterrorizar os terr??queos.(rg)
Depois de pousar com sua nave em uma cidade do interior de Minas Gerais, eles chegaram a um velho posto de gasolina, caindo aos peda??os.
Confundindo uma bomba de gasolina antiga com um ser vivo, os marcianos se aproximaram e um deles falou:
? M??sero Terr??queo, leve-nos ao seu l??der!
Ao ver que a bomba n??o respondia, ele apontou uma arma laser para ela e falou mais alto:
? Terr??queo imundo, obede??a! Leve-nos ao seu l??der agora!
O outro marciano, com uma cara de assustado, tentou amenizar a situa????o:
? Olha, cara... Eu acho melhor a gente deixar quieto...
? Como assim, deixar quieto, merm??o? ? gritou o marciano armado, puto da vida ? Esse terr??queo de merda tem que se submeter ?? nossa vontade! Obede??a, terr??queo! Sen??o eu atiro!
A bomba ainda n??o respondia e o marciano medroso falou mais uma vez:
? Acho que esse cara ?? casca grossa, brother! Vamos embora enquanto podemos...
? Deixa de ser cag??o, rap??! Somos superiores! Vamos fazer este idiota nos obedecer! Por bem ou por mal... Vamos, leve-nos ao seu l??der, terr??queo! ?? a sua ??ltima chance!
Como a bomba nao respondeu, o marciano disparou a arma, fazendo o posto inteiro explodir em chamas.
A explos??o os arremessou chamuscados a metros de dist??ncia! Machucado e atordoado, o marciano corajoso perguntou ao amigo:
? Caracas! Voc?? tava certo! Mas como voc?? sabia que esse cara era t??o poderoso?
E o amigo respondeu:
? P??, cara! Voc?? n??o viu o pau dele? O bicho descia, dava duas voltas no ch??o, subia e ainda ficava perdurado na orelha!




O sujeito era apaixonado por discos voadores e seres do outro mundo. Vivia lendo tudo o que se publicava a respeito desse assunto, tanto que ficou fan??tico e vivia na expectativa de encontrar algum alien??gena.
Toda a noite sa??a a rondar por lugares esmos para ver se encontrava um extraterrestre.
Certa noite, numa de suas excurs??es noturnas, avistou um vulto de cabe??a bem grande, bra??os longos, pernas curtas, rentes ao ch??o.
Emocionado, com voz embargada, ele falou:
- Luiz Oliveira, fazendo contato!
Ao que o ser estranho respondeu:
- Severino da Silva, fazendo coc??!




O sujeito estava assistindo a um jogo de futebol no est??dio quando, de repente, sentiu algu??m apertando-lhe o ombro.
Ele olhou para tr??s e viu um sujeito baixinho que lhe sorria.
Voltou-se para assistir o jogo e alguns minutos depois sentiu o aperto no ombro novamente. Olhou para tr??s com cara de poucos amigos e l?? estava o baixinho sorrindo.
Pouco depois, outro aperto.
- Escuta aqui - gritou ele, com o dedo em riste no nariz do baixinho. - Se voc?? apertar o meu ombro novamente eu vou lhe dar um chute no saco.
O baixinho esbo??ou um sorriso sem gra??a e ficou quieto.
Dois minutos depois, novo apert??o. O sujeito perdeu a paci??ncia e deu um tremendo chute na virilha do baixinho e, como este ??ltimo continuavaimpass??vel, ele perguntou:
- Ei! Eu te dei um chute no saco t??o forte que at?? o meu p?? est?? doendo e voc?? parece que n??o sentiu nenhuma dor, como ?? isso?
E o baixinho explicou:
- ?? que eu sou um alien??gena, n??o tenho saco, por isso n??o senti nada!
- Ent??o, como voc??s fazem sexo no seu planeta?
- Assim ??... - e apertou-lhe o ombro novamente.



Apos um naufr??gio, tr??s loiras foram parar numa ilha.
Desesperadas, comecaram a caminhar pela praia quando, sem querer, uma delas chutou um pequeno objeto.
Assustaram-se, mas se agacharam para ver do que se tratava. Era uma pequena lampada antiga, que passaram a esfregar para tirar a areia. Eis que ent??o que surgiu um g??nio:
- Voc??s me libertaram e, por isso, vou conceder um pedido a cada uma disse o g??nio.
- Quero ser ruiva! - disse a primeira loira.
O genio atendeu. Ela ent??o, ao deixar de ser loura, ganhou a capacidade de pensar. Olhou em volta e viu que havia material para fazer uma canoa. Construiu a embarca????o e foi embora da ilha, com muito esforco, remando contra a mar??.
- Quero ser morena! - pediu a segunda.
O g??nio entao a transformou e, com sua nova condicao, atirou-se ao mar para ver se, dessa vez, conseguia aprender a nadar. Conseguiu e, com muito sacrificio, pode deixar a ilha, dando suas bracadas contra a mar??.
A terceira ent??o pediu:
- Quero que me transforme num homem!
O genio assim o fez. Ele entao saiu andando pela ponte que ligava a ilha ao continente... ...ler